Treino Intenso versus Treino com Recuperação

13 Dezembro, 2017 by Fisiojoane0
treino-corrida-1200x744.jpg

Não são os quilómetros da semana que fazem um vencedor

Um vencedor não se faz com os quilómetros que treina, nem com a velocidade que os faz… Um vencedor é aquele que menos energia gasta para fazer os mesmos quilómetros que os outros.

Esta frase foi-me dita por um atleta de ultra-trail e a qual nunca mais me saiu do pensamento. Fiquei inquieta porque todos nós já ouvimos histórias e testemunhos que os melhores atletas fazem treinos bi-diários, grupos de séries na máxima velocidade, percorrem distâncias longas e somam quilómetros semanais, contudo atualmente os paradigmas de treino foram sendo modificados de acordo com novas descobertas cientificas e estão a ser complementados por planos de recuperação e tipos de treino mais especializados e individualizados.

O plano de treino não é apenas o tempo que o atleta exerce atividade física e mental, é um ciclo que inclui o tempo de exercício e o tempo necessário para recuperar e assimilar os estímulos fornecidos pelo próprio exercício.

Na última década, a importância da recuperação no desempenho atlético de elite recebeu um reconhecimento generalizado. De uma forma geral (realçando mais o exemplo de atletas amadores, porque os profissionais devido às cargas e stress de treino os índices modificam) o sono e a nutrição correspondem a 90% da melhoria da performance, 9% corresponde ao mindfulness (rigor, sacrifício e motivação do atleta) e 1% corresponde a todas as outras estratégias (suplementos, massagens etc).

O sono é indispensável para o atleta como o vapor é para a locomotiva. É durante o sono que temos a recuperação/regeneração muscular, é o reset do nosso corpo. O atleta ansioso para ganhar e treinar é absorvido e não consegue ter um sono profundo e tranquilo.

 

Dicas para uma boa recuperação física

Além do sono e da alimentação, podemos também seguir algumas dicas diárias para alcançar uma boa recuperação:

  • Tomar um banho diário de água fria – Não só é desejável por razões de limpeza, mas também dá um choque útil ao sistema nervoso – esta técnica é muito útil pós treino ou prova, de forma a dar um ligeiro choque térmico ao sistema muscular.
  • Passear, desfrutar os momentos em família, viajar… todos os momentos que nos fazem sentir plenos e felizes. A mente não só precisa dormir, mas também de recreação ou de uma mudança ocasional de pensamentos. As linhas longas e contínuas de pensamento são para o cérebro, o que o trabalho de um grupo de músculos incessantemente durante todo o dia é para eles – completa exaustão.

Todos nós precisamos de férias, ou pelo menos alguma mudança na vida uma ou duas vezes durante o ano, quando, por algumas semanas ou dias, pode quebrar a rotina comum da vida.

Autor: Mariana Machado

Recomende-se com os nossos profissionais para a técnica correta de treino e passada, através da análise da marcha no gabinete de osteopatia e biomecânica e na parte da alimentação na nossa consulta de nutrição desportiva.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


logo-fj-footer

Há mais de 20 anos que a Fisiojoane - Clínica Médica e Fisioterapia de Joane presta serviços de qualidade na saúde dos seus utentes através de uma equipa multidisciplinar com várias especialidades e um atendimento diferenciador.

© Fisiojoane 2018. Todos os direitos reservados